#WorldCupSP: Daniele Hypolito brilha e conquista mais dois ouros!

Daniele Hypolito com sua medalha de ouro;
O dia foi de alegria para o público brasileiro presente no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Aliás, não só para esse [público], mas para todos os brasileiros que estiveram em frente às suas televisões e monitores de computador acompanhando atentamente ao segundo dia de finais da Copa do Mundo de Ginástica. A brasileira Daniele Hypólito, que ontem já havia conquistado a medalha de ouro na final do salto sobre a mesa, conquistou mais dois títulos neste domingo: na trave e também no solo. Rebeca Andrade e Carolyne Pedro conquistaram o bronze, respectivamente, na trave e no solo.

Neste segundo dia de finais da Copa do Mundo de Ginástica, o Hino Nacional Brasileiro foi reproduzido cinco vezes (três vezes por conquistas masculinas e duas vezes pelos resultados de Daniele). A brasileira mostrou que está pronta para disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em agosto e mais uma vez deu um show.

Na primeira final para as mulheres, o solo (FX), Daniele fora a última a se apresentar e mesmo cometendo alguns errinhos leves (saída da área de apresentação, chegada com tronco baixo no DC), ela conseguiu se apresentar da maneira que ela queria e esperava. Aplaudida de pé após sua apresentação, Hypolito recebeu 13.950, o que lhe garantiu o ouro. Carolyne Pedro do Brasil conquistou o bronze nessa final.

Apesar de ter simplificado um pouco a série na trave de equilíbrio, deu para conquistar um 14.350, o que lhe garantiu uma vantagem de mais de um ponto e sm relação a segunda colocada, a colombiana Simona Castro (13.050). A outra brasileira na final da trave, Rebeca Andrade, caiu durante a série, mas ainda assim conquistou a medalha de bronze.

A Daniele mais uma vez mostrou para os que não acreditam nela que ela está mais preparada para os Jogos Olímpicos que nunca. Como disse a comentarista da Sportv, professora Andrea João, "Daniele está em sua melhor forma física" e a prova disso foi o seu desempenho nessa competição.


Sem comentários